Home > Random Stuff > Um, entre muitos, brasileiros desapontados…

Um, entre muitos, brasileiros desapontados…


É senhoras e senhores, mais uma vez vemos que o poder e grana são aliados não apenas fortes, mas sim, invensiveis neste país. É triste, frustante, lamentável, enfurecedor… E mais uma série interminavel de condições desagradaveis a nós, cidadões…

Cidadões quase honestos. Sim, QUASE honestos… Que lutamos dia-a-dia para sobreviver em um país mal educado, conformado e com uma cultura em relação à interação políticos vs povo que só pode ser brincadeira. Entra ano, sai ano e é a mesma merda… Potencial sendo desperdiçado… Dinheiro sendo jogado no lixo…

Bom, vou pensar um pouco em ‘letras altas’… Quando digo brasileiros ‘quase’ honestos, estou falando de mim, de você, da sua mãe… SIM, por quê? Relativamente simples… Este país foi desenvolvido, no decorrer desses 500 e poucos anos, para ser um país corrupto, cheio de caminhos tortuosos para conseguir as coisas, burocrático e apático. Nesta mistura de apatia com ignorância e desejo de lugar ao Sol, geramos uma cultura de ‘vai ter minha vez’ no povo… Onde todo mundo fica esperando a sua vez de se dar bem ‘nas costas dos outros’. Todo mundo ainda acredita vorazmente no famoso QI (quem-indica)… Todo mundo espera que o primo do parente do vizinho, que você votou quando ele te deu o ‘santinho’, ‘arrume alguma coisa’, agora que ele está ‘na boa’.

A pouco tempo fiz um curso e meu professor, quando tocamos em um assunto parecido na aula, abriu meus olhos quando eu disse que talvez eu fosse ‘muito chato’ em relação à esses assuntos — chato não, exigente. E com todo direito.

Nessa de todo mundo querer sua vez, ao invés de pensarmos nas vezes de todos… Todo mundo fica sem vez nenhuma. Porque, meus amigos, a maior e mais pura verdade do universo é: ninguém se importa com ninguém mais além de si mesmo. E, seguindo esta verdade básica, eles não irão se preocupar com você, a menos que essa preocupação seja palpável em algum produto de troca.

Senhores, sabe qual é a grande jogada hoje, na verdade hoje, ontem e sempre… Não pense na sua vez, mas sim na vez da criança favelada e remelenta vendendo doce no sinal. Acredite meu amigo, este é o caminho… A melhora só virá de baixo para cima… Porque vindo de cima para baixo já ficou claro que não rola…

Bom, como pensamento não têm muitas regras de continuidade, encerro o meu aqui…

Advertisements
Categories: Random Stuff
  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: